logo RECRUT.AI

A importância de ter uma plataforma de R&S adequada à LGPD

RECRUT-AI-LGPD

Compartilhe esse post

Nesse texto nós vamos falar sobre: o que é a LGPD, a quem se aplica, quando entra em vigor e mostrar como implementar a lei com a plataforma certa.

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), regulamentada pela Lei 14.010/20, nasceu com o objetivo de proteger dados sensíveis de cidadãos e empresas. Cuidar dos dados é essencial para preservar o indivíduo mantendo a confiança na entidade pública ou privada. Mas como é possível cuidar dessas informações beneficiando todos os envolvidos no processo?

Cada vez mais o armazenamento, tratamento e compartilhamento de dados está presente em nosso dia a dia. Estamos constantemente informando nosso CPF em farmácias, lojas e para compras online. O acesso aos dados ajuda a planejar qualquer atividade, mas também traz um risco. 

A quem se aplica a LGPD?

Todas as empresas devem seguir as diretrizes da LGPD, mas como dados pessoais são a base do trabalho do RH, essa mudança é sentida mais fortemente pela área. 

Afinal, são responsáveis pelas coletas de dados durante o recrutamento, contratação e demissão. O que significa que mesmo antes ou depois do vínculo empregatício há administração de informações sensíveis. Por isso, a adaptação às novas regras da LGPD precisa acontecer de maneira imediata.

Quando a LGPD entra em vigor?

Desde maio de 2021 a lei está em vigor no Brasil, mas as sanções só começaram a valer em 1º de agosto. Com punições aplicadas pela Autoridade Nacional de Proteção de Dados, que podem chegar a 2% do faturamento e tem um limite de até R$50 milhões para cada multa aplicada a quem descumprir a LGPD. 

Além do prejuízo financeiro, o indivíduo que tiver seus dados vazados ou compartilhados sem consentimento estará vulnerável a qualquer tipo de fraude

Você realmente precisa dessa informação?

A LGPD faz com que a questão acima tenha que ser feita constantemente, durante todas as etapas. Será que é realmente necessário pedir o CPF de um candidato? Como está sua segurança de armazenamento de dados? 

Ainda é preciso refletir sobre perguntas sobre etnia, gênero, religião, endereço, o cruzamento desses dados podem identificar facilmente uma pessoa, deixando-a exposta a qualquer um na internet.

  • Afinal, que influência tem sobre o desempenho profissional se a pessoa tem ou não filhos? 
  • A idade do candidato é tão importante ou cria um filtro que exclui profissionais qualificados? 

Ao responder essas questões você consegue puxar o freio em um processo que pode ter se tornado automático. Muitas vezes, atividades repetidas podem nos condicionar a não ponderar antes da execução

Enfim, o segredo para evitar a coleta de dados desnecessários é fazer essa pergunta várias vezes. Depois de tomar essas decisões fica mais fácil cumprir a LGPD e não acumular dados sensíveis sem utilidade

Como implementar?

Uma maneira eficiente de escolher quais informações coletar durante o processo seletivo e cumprir a LGPD é avaliar se aquele dado se relaciona com a função que será exercida

Nós da RECRUT.AI já nascemos preparados para atender a LGPD. Os candidatos preenchem um formulário simplificado sem dados pessoais sensíveis e seus currículos são descartados depois de dois anos. 

Quer saber como estamos encontrando mais rápido o talento sem perguntas desnecessárias? Conheça melhor a RECRUT.AI!

Inscreva-se na nossa Newsletter

Receba nossas atualizações por e-mail

Conheça outros conteúdos

Conversa inspiradora em podcast com Patrick Gouy, CEO da RECRUT.AI
Smart Recruiting

Podcast inspirador com CEO da RECRUT.AI

Nosso CEO, Patrick Gouy, participou do ep. 07 do Tiagocast, publicado na última quinta-feira (23/06/2022). O podcast é perfeito para quem deseja conhecer melhor o

Vamos transformar o seu processo de recrutamento e seleção?

Agende uma demonstração

Tudo certo!

Recebemos a sua solicitação!

Agende uma demonstração

Complete o formulário para encontrarmos o melhor consultor